Mário Valério reivindica ações na área de segurança em Caarapó

12/04/2017

Prefeito pede aumento do efetivo da Polícia Militar e ampliação do Proerd, que deverá beneficiar a aldeia indígena Te’yikue

CaarapoenseNews

Fonte/Assessoria

Foto: Divulgação Reivindicações do dirigente caarapoense foram feitas diretamente ao alto escalão da Polícia Militar, em Campo Grande

O prefeito de Caarapó, Mário Valério (PR), solicitou ao comando-geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul ações para a área de segurança pública no município. A reivindicação foi feita em recente encontro com o comandante-geral da PM de Mato Grosso do Sul, coronel Waldir Ribeiro Acosta, e outros representantes do alto escalão da instituição no Estado, em Campo Grande.

O gestor caarapoense pediu o aumento do efetivo policial militar no município, a fim de garantir a tranquilidade da população. “Quanto mais policiamento, melhor para a nossa gente, que terá a sensação de uma cidade mais segura”, defendeu Mário Valério.

O dirigente caarapoense também pediu intervenções no setor de prevenção e combate às drogas. Nesse sentido, Mário Valério solicitou a ampliação do atendimento no âmbito do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), que atende alunos da rede pública no município. “A nossa intenção é atender as escolas das redes municipal e estadual, estendendo o projeto para as instituições de ensino da aldeia indígena Te’yikue”, explicou o prefeito. “Não há dúvidas de que o Proerd é um programa que realmente funciona, tendo em vista o seu foco na resistência ao uso de drogas e à prevenção da violência, como já ficou demonstrado”, sublinhou.

Para garantir a ampliação do Proerd – que funciona em Caarapó desde 1999 -, Mário Valério solicitou a designação de mais um instrutor do programa para atuar no município. Atualmente, apenas um policial militar ministra as aulas do Proerd, que atende as escolas municipais. “Esse pedido foi feito diretamente ao coordenador estadual do Proerd, coronel Zerlotti, que também estava na reunião na sede do comando-geral da PM”, informou o dirigente caarapense.

Proerd

O Proerd é a adaptação brasileira do programa norte-americano Drug Abuse Resistence Education (DARE), surgido em 1983. No Brasil, foi implantado em 1992 pela Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, e hoje é adotado em todo o Brasil. É desenvolvido nas escolas públicas e particulares, no 5º e 7º ano do Ensino Fundamental, na educação infantil (Proerd Kids) e para adultos com o Proerd para Pais, por policiais militares treinados e preparados para desenvolver o lúdico, através de metodologia especialmente voltada para crianças, adolescentes e adultos. O objetivo é transmitir uma mensagem de valorização à vida e da importância de manter-se longe das drogas e da violência. No Proerd Pais, é reforçada a importância da amizade e supervisão dos pais com os filhos. Após o curso, as crianças recebem o certificado programa, ocasião em que prestam o compromisso de manterem-se afastados e longe das drogas e da violência.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>